Sorriso, 29 de Agosto de 2015

 


Notícia

MT: Todas as faculdades de Cuiabá estão abaixo da média

sexta-feira, 18 de novembro de 2011 08:22:56

A Unic, em Cuiabá, está em terceiro lugar, com média, 2,06: ensino considerado insatisfatório

A Unic, em Cuiabá, está em terceiro lugar, com média, 2,06: ensino considerado insatisfatório

Todas as instituições de ensino superior de Cuiabá, avaliadas pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC), em 2010, obtiveram notas que ficaram abaixo da média no Índice Geral de Cursos (IGC). A lista completa com os 1.828 cursos superiores de todo o Brasil foi divulgada na quinta-feira (17).

Esse índice monitora a qualidade dos cursos de graduação e divide as instituições por totais contínuos, que vão de 0 a 5 pontos, com divisão por casas decimais, e em faixas que vão de 1 a 5. Avaliações abaixo de três são consideradas insatisfatórias pelo MEC.

A única instituição que conseguiu alguns décimos acima de três, índice satisfatório, foi a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), que obteve média de 3,03. Essa média não é para se comemorar, mas a UFMT se equipara com, pelo menos, 985 outras faculdades de todo o Brasil, que ficaram com a média 3.

As outras instituições - inclusive, a Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat), que obteve média 2,31 na avaliação - ficaram bem abaixo da média aceitável pelo MEC. A média mais baixa foi atribuída à Faculdade de Cuiabá (Fauc), que obteve apenas 1,11 de pontuação.

Veja a classificação das instituições de ensino em Cuiabá:
Univerdade Federal de Mato Grosso (UFMT): média 3,03
Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat): média 2,31
Universidade de Cuiabá (Unic): média 2,06
Centro Universitário Cândido Rondon (Unirondon): média 1,75
Instituto Cuiabano de Educação e Cultura (Icec): média 1,68
Faculdade Afirmativo: média 1,30
Faculdade de Cuiabá (Fauc): média 1,11.

Suspensão por notas baixas
A baixa pontuação passa a ser um motivo de preocupação para estudantes e faculdades de Cuiabá. O MEC informou que pretende suspender 50 mil vagas em cursos superiores que tiveram notas abaixo de 3 no Índice Geral de Cursos.

Não foram informadas quais instituições serão afetadas pela decisão. O corte deve afetar as instituições que não tiveram desempenho satisfatório no índice de qualidade divulgado.

Qualidade dos cursos
O IGC de cada instituição resume a qualidade de cursos de graduação, mestrado e doutorado, distribuídos pelos vários campi da instituição.

São utilizados no cálculo do indicador a média dos Conceitos Preliminares de Curso (CPCs) da instituição - componente relativo à graduação - e o conceito fixado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) para a pós-graduação.

A média dos conceitos dos cursos é ponderada pela distribuição dos alunos entre os diferentes níveis de ensino (graduação, mestrado e doutorado).

Rádio Sorriso com Midia News

 

Comentários

Marcos comentou em 18-11-2011 às 20:30

Engraçado que no site do MEC a UFMT teve média 4 no IGC, na escala de 0 a 5, o que significa Muito Bom. Estranho esse 3.

Acadêmico comentou em 18-11-2011 às 10:14

A Fais aparece com 1,75, não são apenas as faculdades de Cuiabá que estão abaixo da média, agora é estranho pq alguns cursos tem nota 4 no ENADE.

 

Notícias mais lidas

 

Cotações de Sorriso em 27/08/2015: Soja Balcão: R$ 58,50 (disponível: R$ 61,50) | Milho: R$ 14,00 | Arroz: R$ 40,00 | Algodão Pluma: R$ 70,00 | Caroço do Algodão: R$ 430,00 (a ton.) | Fonte: Sindicato Rural de Sorriso.