Sorriso, 27 de Fevereiro de 2015

 


Notícia

Homem que arrancou a cabeça da vítima e amarrou corpo em um cavalo pega 19 anos de cadeia

sábado, 28 de setembro de 2013 08:26:30

Foi condenado a 19 anos de reclusão, no município de Mirassol D´Oeste, Geucelino Gomes da Silva, 30 anos, acusado de matar a paulada e golpes de facão a vítima Ademilson Ferreira da Silva. O crime, ocorrido em março de 2008, chocou a população devido aos requintes de crueldade. A vítima, que teve a cabeça decapitada, foi amarrada em um cavalo e arrastada por aproximadamente 500 metros de distância do local onde foi morta.

De acordo com o promotor de Justiça José Jonas Sguarezi Júnior, os jurados acolheram a tese defendida pelo Ministério Público e condenaram o réu por homicídio duplamente qualificado. Eles entenderam que o crime foi praticado com o emprego de meio cruel e com utilização de recurso que dificultou a defesa da vítima. O réu responderá, ainda, por ocultação de cadáver.

“O próprio réu confessou que ocultou o cadáver da vítima por duas vezes, dentro da sede do seu próprio sítio, tendo em vista que na primeira vez, a cova ficou rasa, motivo pelo qual, cinco dias depois do crime, o desenterrou e escavou mais profundo, vindo a novamente enterrar o corpo”, destacou o promotor de Justiça.

Conforme a denúncia do Ministério Público, o corpo da vítima foi localizado pelo seu irmão após duas semanas, amarrado, totalmente nu e sem cabeça. Na sentença, a juíza Edna Ederli Coutinho informa que Geucelino Gomes da Silva permaneceu preso entre março de 2008 até novembro de 2010. O réu, segundo o representante do Ministério Público,já foi condenado por outro crime de homicídio.

O Júri foi realizado na quarta-feira (25).

Da Redação com Assessoria

 

Comentários

Seja o primeiro a Comentar!
 

Notícias mais lidas

 

Cotações de Sorriso em 26/02/2015: Soja Balcão:R$ 48,50| Disponível: R$ 49,25| Milho Balcão: R$ 13,00| Milho Disponível Fut.: R$ 15,00| Arroz: R$ 56,00 - A Saca | Algodão Pluma: R$ 52,00A @ | Caroço do Algodão: R$ 500,00 | Suino Confinado: R$ 3,50 Fonte: Sindicato Rural de Sorriso