19/04/2017 08:59

Quantidade de visualizações: 327

Eduardo Turella com Assessoria

Na noite desta segunda-feira (17), o vereador Claudio Oliveira (PR) encaminhou durante a sessão o requerimento Nº 83/2017 que pede providências na redução das tarifas de pedágio na Praça Sorriso.

A tarifa de R$ 7,00 cobrada na praça instalada no Km 766, da BR -163, entre Sorriso e Sinop, é a mais alta. Em Lucas do Rio Verde, o valor é bem menor: R$ 4,90. Em Nova Mutum, o usuário paga ainda mais barato: R$ 3,80 por eixo.

O Grupo Odebrecht venceu a licitação para concessão de exploração comercial, por meio de cobrança de pedágio, nos 850 quilômetros da BR 163, entre a divisa de Mato Grosso com Mato Grosso do Sul até o município de Sinop – MT, pelo prazo de 30 (trinta) anos.

O Grupo ficou responsável pela duplicação de 453,6 quilômetros do trecho compreendido de 850,9 quilômetros da concessão.

Até o momento foram duplicados apenas 117 quilômetros dos 453,6 quilômetros comprometidos em contrato, ou seja, apenas 25,79 % (vinte e cinco vírgula setenta e nove por cento) do trecho total.

O vereador Claudio Oliveira, afirma que está de olho na concessão; “é dever do Poder Legislativo a fiscalização do Poder Executivo, bem como das concessões na prestação dos serviços públicos, quanto sua qualidade, segurança e periodicidade, aos cidadãos e usuários dos serviços públicos. Neste momento vemos que é necessário a intervenção de todos os poderes para que não ocorram mais prejuízos aos cidadãos brasileiros que utilizam desta importante rodovia para trafegar e transportar produtos suas mercadorias, consoante a proporcionar requisitos mínimos de segurança e conforto aos usuários” Finaliza Claudio.