20/04/2017 16:56

Quantidade de visualizações: 208

Decom

Ato de Juramento à Bandeira será na Praça da Juventude, no dia 28

A expectativa é que mais de 200 jovens, nascidos em 1999, participem do ato solene de Juramento à Bandeira, em que recebem o certificado de dispensa do serviço militar. A cerimônia está sendo preparada pela 137.ª Junta de Serviço Militar (JSM) de Sorriso, órgão da Prefeitura, e será promovida na praça da Juventude, às 9 horas da manhã do dia 28 de abril, próxima sexta-feira. Participa da solenidade o 1.º tenente do Quadro Auxiliar de Oficiais (QAO) do Exército, Luis Paulo Lourenço de Inschauspe, responsável pela 11.ª Delegacia de Serviço Militar de Sinop.

O alistamento para os jovens que querem cumprir o serviço militar pode ser feito pela internet, pelo endereço www.alistamento.eb.mil.br. O alistamento por meio eletrônico vale para os moradores dos estados do Amapá, Pará, Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pernambuco, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e São Paulo. Já para receber a dispensa, é preciso que os jovens levem à JSM, que funciona no Ganha Tempo, os seguintes documentos:

- certidão de nascimento, casamento ou carteira de identidade original;

- certidão de naturalização ou termo de opção (para os brasileiros naturalizados ou por opção);

- registro de emancipação (no caso dos índios);

- duas fotos 3x4 (sem data e recentes);

- comprovante de residência (conta de água, energia elétrica, etc.).

“É importante que os jovens saibam que, mesmo sendo dispensados do serviço militar, eles continuam à disposição da Pátria se houver necessidade”, destaca o secretário da JSM, João Donizete Bertelli.

O prefeito de Sorriso, Ari Lafin, reforça a importância do sentido de patriotismo e dever para a formação de cada cidadão. “O comprometimento com o nosso país, com o nosso povo, certamente serve de norte para a tomada de decisões corretas em vários aspectos da vida, desde a escolha por se dedicar aos estudos, a uma profissão, até o reforço do vínculo familiar, sempre com o foco na ordem e no bem coletivo”, comenta.