Agora: Bom Dia Sorriso

​Deputados assinam CPI da Energisa e Botelho incentiva população a “derrubar” empresa

Cenário MT em 10/10/2019 às 08:07. Lida 257 vezes.


Dezoito deputados assinaram nesta quarta-feira (09) o requerimento para abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar possíveis irregularidades cometidas pela Energisa S/A, acusada de praticar aumento abusivo nas contas de energia elétrica em todo o Estado e por má prestação de serviços. A CPI, de autoria do deputado Elizeu Nascimento (DC), teve a chancela do presidente da Casa, Eduardo Botelho (DEM), que não poupou criticas à empresa e incitou a população a “derrubar” a concessionária.

“A Energisa é um caso sério, Mato Grosso todo tem que se mobilizar. Eles estão tratando a população com o maior descaso possível, não respeitam ninguém, não dão importância para nada aqui dentro do Estado, só querem cobrar. Nós vamos sim discutir isso. O estado em si não pode derrubar a concessão, mas é de movimentações populares que sai tudo. Movimentação popular já derrubou presidente, derruba governador, por que não podemos tirar esse grupo daqui?”, disparou Botelho, durante coletiva de imprensa.

Na justificativa do requerimento de abertura da CPI, Elizeu citou que o pedido foi fundamentado em um abaixo assinado que reuniu quase 10 mil signatários. Além disso, o parlamentar argumentou que a Energisa é líder de reclamações no Estado.

Conforme determina o Regimento do Legislativo, a CPI deverá ser presidida por Elizeu. Os demais membros da Comissão ainda não foram anunciados. Na próxima terça-feira (15), a Assembleia Legislativa irá realizar uma audiência pública para discutir o tema. Esta será a terceira CPI em andamento na Casa.

Enquete


Você é contra ou a favor da redução do valor dos salários de vereadores de Sorriso?
Parciais